NOTÍCIAS

Pesquisa da UFRJ mostra que coronavírus pode persistir por mais de um mês

21/09/2020

Pesquisa divulgada na última semana pela UFRJ-Universidade Federal do Rio de Janeiro revela que 60% das pessoas infectadas pelo coronavírus, continuam positivas e potencialmente contagiosas por mais de 14 dias e 20% por mais de um mês.

O estudo de casos de persistência mostra que a carga viral em pessoas ainda positivas em 14 e 21 dias frequentemente permanece elevada, o que indica o seu potencial de transmissão. Por isso, segundo os pesquisadores que realizaram o estudo, 21 dias é o tempo mais adequado para a pessoa se manter isolada. No caso dos profissionais de saúde, a volta ao trabalho só deveria ocorrer após negativa no exame PCR.

Retornar
© SOCIEDADE BRASILEIRA DE CIRURGIA MINIMAMENTE INVASIVA E ROBÓTICA - SOBRACIL


SSL
Desenvolvido por